Mi cine querido

O cinema argentino ganhou prestígio internacional e, no Brasil, virou uma espécie de irmão mais inteligente, que a gente curte, admira, mas no fundo tem uma pontinha de inveja. Ricardo Darín é tão amado pelas mulheres quanto George Clooney, enquanto diretores como Juan José Campanella, Pablo Trapero e Lucrecia Martel colecionam admiradores de distintos gostos e latitudes.

A partir de hoje (terça, 5 de abril), a Caixa Cultural do Rio de Janeiro vai apresentar outros cenários dessa produção com a Mostra Histórias Extraordinárias – Cinema Argentino Contemporâneo. Os curadores Natalia Christofoletti Barrenha e Marcelo Panozzo (ex-diretor do BAFICI – Festival de Cinema Independente de Buenos Aires) fizeram uma seleção variada, que desse uma ideia da diversidade e da qualidade do cinema dos hermanos para além do que costumamos receber comercialmente. Confira textos, programação e catálogo no site da mostra.

São quase todos filmes recentes, dos quais destaco, por já ter visto, Cuerpo de Letra, de Julián D’Angiolillo, um dos finalistas do último Prêmio Fénix. Num curioso mix de documentário e ficção, o filme descortina a ação dos grafiteiros contratados para fazer anúncios comerciais e propaganda eleitoral em Buenos Aires e cercanias. Eles formam uma pequena máfia, com grupos disputando território e agindo geralmente na escuridão da noite. O diretor emprega a observação pura, meio impressionista, bastante imersiva, com uma fotografia noturna quase sobrenatural de Matías Iaccarino. Em algumas passagens, o filme alcança uma tonalidade alucinatória. Filmagens clandestinas se combinam com outras encenadas para retratar, de maneira original, o submundo desses grafiteiros e locutores cooptados pelo sistema.

Que eu saiba, o único título da mostra principal já exibido entre nós é Paulina (La Patota), de Santiago Mitre, coprodução com o Brasil que não me entusiasmou mas recebeu elogios por onde passou. A programação se completa com três filmes de Marco Becchis (Garage Olimpo, Filhos e O Rumor da Memória), uma pequena mostra de filmes infantis, debates e sessões comentadas com diretores e pesquisadores.   

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s