A imagem que fala (8)

Janelas e portas como pontos de fuga para olhares confinados. Mais algumas fotos enviadas por diretores de cinema para a nossa série.

Postagens anteriores: A imagem que fala 1 / 2 / 3 / 4 / 5 / 6 /

Roberto Gervitz

“A paisagem em minha frente durante as horas de trabalho em meu escritório. Depois dos afazeres domésticos e burocráticos aos quais dedico a parte da manhã, minhas tardes acontecem aqui. Penso que minha foto reifica essa paisagem para a qual pouco olho, focado no meu notebook (como somos limitados). É um lugar muito agradável, mas o inferno está dentro de nós”. São Paulo, SP


Sandra Kogut

“Janelas da quarentena. O novo palco. O novo palanque. A nova rua. A nova plateia”. Rio de Janeiro, RJ


Aly Muritiba

“Um cantinho com minha rede, onde costumo me sentar para ler”. Curitiba, PR


Cristiano Burlan

“Não se mira pela janela impunemente”. São Paulo, SP


José Joffily

“Além de regar plantas, fazer comida, lavar louça e roupa, limpar a casa e olhar em volta, aprendo muito. Como disse um amigo que fiz por aqui: ‘aprender não ocupa espaço’”. Secretário, Petrópolis, RJ 

9 comentários sobre “A imagem que fala (8)

  1. Pingback: A imagem que fala (16) | carmattos

  2. Pingback: A imagem que fala (15) | carmattos

  3. Pingback: A imagem que fala (14) | carmattos

  4. Pingback: A imagem que fala (13) | carmattos

  5. Pingback: A imagem que fala (12) | carmattos

  6. Pingback: A imagem que fala (11) | carmattos

  7. Pingback: A imagem que fala (10) | carmattos

  8. Pingback: A imagem que fala (9) | carmattos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s