Viagem pelo experimental argentino

Se você está em São Paulo, esqueça por uns dias Darín, Campanella, Lucrecia e tudo o que compõe uma ideia dominante do cinema argentino atualmente. Mergulhe no cinema experimental de Claudio Caldini, Jorge Honik e Narcisa Hirsch, que estrelam a mostra Cine Sin Limites, iniciada ontem (quinta) no Centro Cultural São Paulo. O trio começou…

É Tudo Verdade: Sergio Muniz & muitas histórias

Imagino que Sergio Muniz, 82 anos, esteja bem feliz com sua retrospectiva no É Tudo Verdade 2017. Não é uma revisão completa de sua obra, mas põe em foco momentos cruciais de sua carreira de documentarista e abre espaço para um filme que nunca teve antes uma exposição tão ampla. Trata-se de Você Também Pode…

Um pouco de Filme Livre

Nenhum evento ocupa as salas de cinema do CCBB por tanto tempo quanto a Mostra do Filme Livre. Este ano, a programação carioca começou em 29 de março e se estende até 24 de abril. É a 16 edição, o que faz da MFL uma das mostras mais longevas no calendário do CCBB. Para o…

Tiradentes, modo remoto

Comento aqui, à distância, três documentários exibidos esta semana na 20ª Mostra de Cinema de Tiradentes O QUE NOS OLHA é o novo documentário da paranaense Ana Johann. Ana sempre se insere, direta ou indiretamente, nos seus filmes, mas esse último é o seu mais confessional. Movida pelo impacto da separação depois de 20 anos de…

Diversas Índias na tela

Foram quase dois mil filmes produzidos na Índia em 2016. O número de espectadores se contam no dígito dos bilhões e as salas de cinema somam cerca de 13 mil. De tudo isso, é quase nada o que chega a ganhar alguma circulação internacional, lugar ocupado pela produção hegemônica de Bollywood. Para quem quiser ter…

Os “camaradas brasileiros” do cinema moçambicano

A República dos Meninos, de Flora Gomes Nos países da África lusófona, o cinema começou com a independência, em meados dos anos 1970. Guiné-Bissau (1974), Moçambique e Angola (1975) desde cedo investiram o que puderam no cinema como fermento de identidade nacional e ferramenta para a constituição de uma sociedade socialista. Em Moçambique, por exemplo,…

REcine celebra os arquivos e reflete o cinema

“A fotografia no cinema brasileiro está acima do nível do cinema mundial”. Barretão não faz por menos na entrevista que deu a Betse de Paula para o curta Luiz Carlos Barreto, o Revolucionário. O filme abre hoje (terça) à noite, na Cinemateca do MAM, o REcine 2016 –  Festival Internacional de Cinema de Arquivo. Uma…

Festival de Brasília, à distância

Pílulas sobre três filmes concorrentes aos Candangos do Festival de Brasília, vistos à distância O protagonista de ANTES O TEMPO NÃO ACABAVA é um índio que vai da aldeia para Manaus e quer adotar um nome de branco, Anderson Martin. Quem o vive na tela é Anderson Tikuna, cuja biografia tem alguns traços em comum…

Muybridge: histórias por trás das fotos

O documentário Eadweard Muybridge – Zoopraxógrafo, que vi ontem no Instituto Moreira Salles como parte da mostra “Hollywood e Além: O Cinema Investigativo de Thom Andersen”, é uma análise primorosa do trabalho do pioneiro da fotografia sequencial. O filme revelou detalhes da vida e da obra de Muybridge que me deixaram boquiaberto. Por exemplo: – Muybridge…

Thom Andersen: cinema do cinema

Thom Andersen faz de alguns de seus filmes-ensaio extensões de suas aulas ilustradas. Em cada filme, prepondera uma faceta do seu trabalho, sempre combinada com outras: o professor, o crítico, o pesquisador e o documentarista experimental.

A variedade baixou em Cachoeira

O cardápio de ontem na mostra competitiva do VII CachoeiraDoc ofereceu, em relação aos dias anteriores, um equilíbrio melhor entre importância política e criatividade na linguagem. Assisti a três sessões. A primeira foi dominada por questões da cidade e de regiões do Nordeste. Espaços em transformação No curta recifense Nunca é Noite no Mapa, o…

Ouvir as vozes

As duas primeiras sessões competitivas do VII CachoeiraDoc me confirmaram ontem uma primeira impressão sobre o festival: a de que os filmes são selecionados mais para cumprir certas pautas do que para representar a produção atual de documentários no país. Não há demérito nisso, mas apenas a constatação de um “lugar” que o evento reivindica…

Corpos em transe

O CachoeiraDoc é um festival de forte presença feminina, seja entre xs oganizadorxs e curadoras, seja entre xs cineastas convidadxs. Naturalmente, as temáticas de gênero e do novo feminismo ocupam grande espaço na programação. Questões ligadas a corpo e identidade dominaram a primeira sessão a que compareci, o programa de curtas denominado Sessão Gênero: A…

Bahia, meu passado alheio

Depois de quatro dias curtindo a terrinha de Salvador, de onde saí aos sete anos de idade, sigo amanhã para a histórica Cachoeira, onde vou assistir ao festival CachoeiraDoc (6 a 10 de setembro). Salvador fala fundo às minhas primeiras lembranças de infância, entre a Ladeira da Praça, a Baixa dos Sapateiros, o Pelourinho, o…

Histórias exemplares

O minifestival Reimagine Rio está passando em diversas salas de cinema, coletivos e espaços culturais da cidade até o final do mês. São cinco filmes de média metragem dirigidos por Lili Fialho e Kátia Lund sobre pessoas e iniciativas que ajudaram a transformar comunidades cariocas.