A dor tornada arte

Juntos até o fim, Hector Babenco e Barbara Paz transformaram sua união em um filme dolorido que procura converter a dor em doce obra de arte.

Maria entre Holanda e Brasil

Matéria de Carlos Alberto Mattos para O Estado de S. Paulo em 2001, quando Maria Augusta Ramos preparava a produção de “Juízo”. Com “Desi”, a documentarista Maria Augusta Ramos chegou ao topo no cinema holandês. Mas tudo o que ela quer é replantar suas raízes brasileiras.  Nas últimas semanas, as audiências do fórum judiciário do…

Ouro e maldição

DESTACAMENTO BLOOD, estreando na Netflix, cria uma moldura cívica sobre a necessidade de reparação aos afro-americanos, mas a pintura dentro da moldura é uma barafunda que não se encaixa.