Um festival que conecta o humano ao ambiental

A 11ª edição do Filmambiente – Festival Internacional de Filmes de Temática Ambiental acontece mais uma vez online e gratuita para todo o Brasil, de 28 de outubro a 3 de novembro. Este ano vou participar do júri de documentários de longa metragem, juntamente com Beth Formaggini, Vera Zaverucha, Petra Holzer (Diretora do BIFED, Bozcaada – Festival Internacional de Documentários Ecológicos da Turquia) e Pedro Piñero Fuentes (Diretor do festival espanhol Ecozine).

Todas as informações e programação estão no site do festival.

O Filmambiente será aberto no dia 28, às 11 horas da manhã, com a palestra “Perdas e Luto: os desafios da pandemia”, com Mariana Clark, psicóloga, especialista em Perdas e Luto, e com MBA em Gestão de Pessoas.

“Perdemos mais de seiscentas mil vidas para a Covid 19, mas também para as invasões de terras e para o acirramento da intolerância”, lembra Suzana Amado, diretora do festival. “O fogo consumiu boa parte dos diferentes biomas brasileiros, e a grilagem e a extração ilegal de madeira avançaram sobre áreas antes protegidas, mesmo que precariamente. Perdemos direitos, avanços duramente conquistados ao longo de anos, desde a promulgação da Constituição de 1988. O Filmambiente 2021 carrega um pouco desta dor. E decidimos abrir o festival com a palestra da Mariana para que todos possamos tentar entender melhor como lidar com este luto coletivo”,

A edição de 2021 reúne 43 filmes, em mostras competitivas e temáticas. São 20 longas, 2 médias e 21 curtas, 41% dirigidos por mulheres. Ao longo da semana, vai ser possível refletir sobre a terrível questão humanitária que resulta da migração, na mostra Deslocados, com 6 filmes, e o estado de mares e oceanos, na mostra Um Só Oceano, com 5 filmes. A mostra Defensores do Amanhã – 5 filmes – tem exemplos de ativismo ambiental, ações e atitudes por uma vida mais justa e sustentável.

O festival tem ainda a mostra Por Nós Mesmos, com 5 filmes realizados por diretores de diferentes povos originários ao redor do mundo, um espaço que vêm conquistando para contar suas histórias de seus próprios pontos de vista. E a mostra Uma Década para Restaurar – 4 filmes – que marca a Década da Restauração de Ecossistemas da ONU (2021-2030).

Pela primeira vez o festival terá uma Competição de Curtas em Animação, formato que tem frequentado com destaque o Filmambiente desde as primeiras edições, com 11 filmes animados em diferentes técnicas. E a Competição de Documentários de Longa Metragem apresenta 7 filmes que espelham perfeitamente o tempo em que vivemos: a luta permanente dos povos originários para preservar sua identidade cultural e a biodiversidade das terras que habitam; a destruição ambiental e o desaparecimento de espécies causados pela ganância, nesta já denominada era do Antropoceno.

A parceria com a plataforma Shift72 possibilita a exibição de todos os filmes dentro dos protocolos de segurança necessários, o que facilitou a conquista de filmes exibidos apenas nos melhores festivais internacionais. Em parceria com a Swissnex, além da palestra de abertura, o festival terá ainda 3 painéis temáticos que discutirão conceitos muito falados, mas que precisam ser, de fato, melhor compreendidos e conhecidos: Uma Década para Restaurar, onde saberemos mais detalhes sobre as ambições da Década da Restauração da ONU, sobre o que é e como é feita a Restauração de Ecossistemas, qual é o estado atual de ecossistemas dos biomas brasileiros, e que projetos já estão sendo realizados no escopo da Década; Economia Circular, no qual vamos descobrir o que exatamente esse conceito, e como ela vem sendo implementada no Brasil e em outras partes do mundo; e A Construção do Amanhã/NetZero, debate no qual se falará sobre o conceito de Net Zero, o entendimento atual da possibilidade de esse mecanismo evitar consequências mais drásticas do aquecimento global nas próximas décadas; e principalmente, vamos ouvir exemplos de como empresas e governos estão efetivamente trabalhando para atingir seus compromissos.

Os painéis terão sinal aberto para todo o mundo, tradução simultânea e tradução em libras; e serão transmitidos via Zoom (e replicados no Youtube da Swissnex). Consulte o site do festival para links de inscrição e acesso.

A edição 2021 do Filmambiente se encerra com duas palestras dirigidas ao público infantojuvenil, sobre A Importância do Oceano na Vida do Planeta, com a exibição de curtas, seguida de palestra do cineasta e biólogo marinho Ricardo Gomes, realizadas em parceria com o Instituto Mar Urbano. Estas deverão ser agendadas pelas escolas ou professores, e terão lugar na sequência do evento, nos dias 4 e 5 de novembro. O Filmambiente 2021 comemora a continuidade da parceria com a ENGIE, patrocinadora da edição de 2020, e a retomada das parcerias com a Riofilme SEGOVI/Prefeitura do Rio, com o Consulado da França e sua Cinemateca e com o Consulado da Suíça.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s