É Tudo Verdade: De Gravata e Unha Vermelha

O que faz a identidade sexual de uma pessoa? A roupa? Os pelos do corpo? Os órgãos sexuais? O jeito de andar? O comportamento? Ou simplesmente o que cada um deseja ser? Esse tipo de pergunta, entre a psicanálise, a antropologia e a estética, costuma frequentar os filmes da psicanalista e documentarista Miriam Chnaiderman (Dizem que Sou Louco, Artesãos da Morte, Gilete Azul, Procura-se Janaína). Em De Gravata e Unha Vermelha ela reúne uma galeria de pessoas que vivem na fronteira da transsexualidade ou mesmo já a cruzaram. Incluem-se travestis, transsexuais, transgenders (incluindo transhomens, mulheres que se converteram em homens), praticantes de crossdressing e até um alegre grupo de rapazes do interior de Minas que se diverte vestindo-se de mulher. Nomes badalados como Laerte, Ney Matogrosso e Bayard Tonelli dividem espaço com outros menos conhecidos, mas não menos exemplares.

O estilista Dudu Bertholini colaborou na seleção e posa de entrevistador. Os depoimentos referem-se a memórias da infância, relações com os pais e a sociedade, a fase de assumir perante a família, os recursos utilizados (hormônios, cirurgias), as mudanças no cotidiano, os relacionamentos afetivos, etc. Há diversidade bastante para justificar a abordagem, mas por alguma razão o filme permanece na superfície das questões. Os cenários fashion e o clima um tanto festivo das conversas estimula a veia performática e narcísica da maioria dos entrevistados, talvez em detrimento de uma imersão mais profunda na realidade de cada um. Por isso se destaca o caso de Letícia Lanz (ex-Geraldo Eustáquio de Souza), que fala com legítima emoção do seu casamento com uma mulher que atravessou sua mudança de gênero ao longo de 37 anos.

Penso que Miriam optou conscientemente por um enfoque leve e meramente declaratório. Isso reduz o alcance da pesquisa em troca de uma efusividade visual e comportamental já bastante difundida.

3 comentários sobre “É Tudo Verdade: De Gravata e Unha Vermelha

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s