O portão

Boa parte da ação do admirável documentário A LOUCURA ENTRE NÓS se passa diante de um portão que separa a ONG Criamundo do restante do tradicional hospital psiquiátrico Juliano Moreira, em Salvador. O portão é uma fronteira, um limite e também um convite a que os internos se exponham, coloquem-se em performance. Mais que tudo, porém, é uma sugestão da fragilidade dessa demarcação entre a loucura e a sanidade, especialmente em pacientes bipolares. A câmera fixa diante do portão catalisa os olhares e as falas, mas é possível imaginar que funcione assim, mesmo quando não há ninguém filmando ali.

A Criamundo é um ateliê de terapia criativa frequentado tanto por internos, quanto por pacientes em tratamento domiciliar. O primeiro longa da jovem Fernanda Fontes Vareille (baiana formada na Europa e residente na França) vai se fixar em duas mulheres de classes sociais distintas: a humilde Elisângela, que já teve 12 internações e oscila entre a normalidade (o crochê) e os períodos de surto; e Leonor, pintora culta que o filme desvenda aos poucos, de surpresa em surpresa. Ambas são personagens imensas pela humanidade radical e pela volúpia com que relatam a si mesmas. Ora guiada por elas, ora em observação independente, a câmera se aprofunda nas relações de companheirismo (“somos loucos uns pelos outros”), nas pequenas disputas e na autoimersão dos pacientes. Resultam daí cenas capazes de nos espantar, intrigar e comover ao mesmo tempo.

O movimento pendular entre o raciocínio lógico e o delírio, assim como os lampejos de consciência daquelas pessoas a respeito de sua condição, desconcertam nossas aparentes certezas sobre a loucura e questionam o lugar de quem simplesmente observa o louco. O filme nos coloca naquele incrível portão, naquela zona cinzenta em que a expressão mais eloquente se avizinha da alienação. E a loucura, afinal, se confunde com a arte.

Leia uma entrevista com a diretora

Um comentário sobre “O portão

  1. Pingback: Meus filmes prediletos de 2016 | ...rastros de carmattos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s